0

Manias

mania

Todo mundo tem. Uns mais outros menos.

Há aquelas bizarras como a que vi outro dia no Discovery de um homem que gostava de se vestir como bebê. Mas, não só isso. Ele comprava brinquedinhos, mamadeiras, chupetas, fraldas, mandava confeccionar macacões de bebê tamanho gigante e ainda construiu um berço para dormir. Tô falando sério, gente. O.o

Também tem aquelas mais bobinhas que não fazem mal a ninguém e são nossas companheiras de longa data não?! Eu, por exemplo, folheio livros, revistas, jornais, encartes e afins sempre de trás para frente. Por que? Sei lá. Também tenho o costume de apertar a ponta das unhas contra a ponta dos outros dedos; dormir com dois travesseiros; mexer na pontinha do lençol para pegar no sono…Enfim, coisinhas do dia a dia que as vezes a gente nem percebe.

Nessas de observar o Pedro comecei a notar que ele tem duas manias que o acompanham desde os primeiros meses de vida: passar a mão no nosso rosto enquanto mama e segurar/passar no rosto/colocar na boca a coberta. Ele sem-pre faz essas duas coisas.

Ele ama tudo que é fofinho e macio desde bebezinho. É dele. Sempre me policiei, e tentei coibir o outros kkkkk, para não colocar manias no Pedro…paninhos, naninhas…mas, normalmente ele pega, abraça, encosta o tecido no rosto e faz aquela carinha de satisfação. Não é raro ele adormecer segurando o coberto fofinho de microfibra com as duas mãos.

Tem coisas que ele deixou de fazer como, por exemplo, ter fixação por etiquetas. Ele era apaixonado por elas e adorava ficar com elas na boca ensopando a parte de cima da roupa. Ele pegava o brinquedo, o paninho, a coberta e procurava a etiqueta! A cena emblemática foi no Natal. Eu toda feliz embalada pelo espírito natalino entreguei nas mãozinhas dele um Papai Noel de pelúcia. O que ele fez? Virou o coitado de cabeça para baixo para brincar com a etiqueta que ficava presa na calça do boneco. kkkkkkkkk

E por aí, quais são as manias?!?!