0

Ah! Os seus olhos…que lindos olhos

Pedro, deixa eu te contar sobre um dia incrível que tivemos. Faz um tempo já e olha a contradição: foi no hospital.

Apesar de termos muitos momentos importantes na nossa relação de mãe e filho têm alguns que são mais marcantes, sabe? Hoje estou me referindo a primeira vez que te vi de olhos abertos a me fitar lá de dentro da incubadora. Era um domingo nublado. Você ainda não enxergava (retina incompleta), tampouco sabia que eu era sua mãe, mas foi emocionante. Foi a primeira vez que  falei de verdade com você. Cantei também.

No tempo da barriga eu achava muito estranho falar com você apesar de todo mundo me aconselhar. Quer saber do mais maluco? Eu conversava com você em pensamento nesse tempo. Veja só: eu que achava estranho conversar com a barriga, conversava em pensamento porque achava menos doido. Vai entender a cabeça de uma grávida, não?! kkkk

Mas, voltando…fiquei admirada de ver seus olhos abertos. Lembro de pensar na perfeição da natureza e agradecer a Deus por ter a oportunidade de vivenciar aquele instante. “Oi Pedro. Eu sou sua mãe. Que olhos lindos você tem”. Com o tempo entendi que não eram os seus olhos em si (embora ache lindo as duas jabuticabinhas levemente puxadinhas) era o seu olhar.

Que olhar mais profundo você tem. Curioso. Atento. Com a amamentação essa minha paixão aumentou ainda mais. Te dar o peito e ver sua carinha de satisfação me deixava super contente. Você que já amamentou, lembra-se dessa expressão?! Incrível, né?!

O legal é que gravei esse momento e ele ficou eternizado. Agora posso mostrar. Na época gravei para o seu pai que estava trabalhando e para aqueles que sempre oravam e torciam por você. Assim pude mostrar a sua garra. Sempre que revejo as imagens da época do hospital tenho certeza de estar assistindo um vídeo real sobre milagre. Ali diante dos meus olhos estava você. A cada dia me mostrando que a sua vida não dependia de mim, nem somente dos médicos e de dinheiro, mas da vontade de uma força muito muito maior.

Depois desse dia eu e papai nunca mais fomos embora antes de você dormir. Não deixávamos você enquanto estivesse com os olhinhos abertos. Fiz o possível para você não se sentir sozinho. Te amo.

PS: O vídeo tem imagens (óbvio) de bebê prematuro na UTI, gente. Não é fofo. Ele tinha oito dias de vida. Mas, você vai achar lindo se conseguir enxergar a beleza da vida! Espero que após ver o vídeo você tenha mais fé, mais esperança e entenda que é possível vencer mesmo quando tudo indica o contrário. O Pedro está aí para provar isso. Bom fim de semana a todos!

SAMSUNG